Os alunos da 3ª série do Colégio Nossa Senhora das Dores foram envolvidos em uma competição de charges que rendeu boas produções.

As charges são ilustrações humorísticas que procuram produzir uma sátira a respeito de um ou mais personagens, geralmente contendo uma crítica política. Neste trabalho, os alunos foram convidados a produzirem charges sobre os presidentes do Período Democrático (1946-1964).

Marcado por grandes realizações e por grandes polêmicas, este período teve como presidentes Eurico Gaspar Dutra, Getúlio Vargas, Juscelino Kubitschek, Jânio Quadros e João Goulart. Caracterizados como presidentes de forte apelo popular, deixaram diferentes legados para a História do Brasil, mas também agravaram algumas mazelas como a desigualdade social e o endividamento externo do país.

Por meio deste trabalho, os estudantes puderam compreender como um chargista procura incutir significados diversos nos desenhos apresentados, o que ampliou sua capacidade de interpretação desse tipo de recurso de comunicação, muito utilizado em exames externos como o ENEM e os vestibulares.

As melhores charges foram utilizadas para a produção de questões do Simulado do CNSD da 3ª Etapa.

Autora: Michelle Viviane Godinho Corrêa
Professora de História da 1ª e 3ª Série do Ensino Médio

 

Imagem 1

Esta charge, produzida por Beatriz Lessa, Larissa Rocha, Luana Faria, Gabriel Winter e Victor de Oliveira, ilustra o Plano SALTE, lançado pelo Governo Dutra. A charge mostra o espanto de um cidadão pelo fato de a educação não ter sido um dos focos do referido plano.

 

Imagem 2

Esta charge, produzida por Aléxia Moreira, Bruna Martins, Isabelle de Assis, Tayná Oliveira e Yasmin Soares, ilustra a ascensão de Vargas ao seu segundo governo “nos braços do povo”, até o momento de seu suicídio, em 1954, devido à crise que se instaurou em seu governo após o atentado da Rua Tonelero.

 

Imagem 3

Esta charge, produzida por Ana Luiza Machado, Beatriz Lima, Julia Campos, July Werneck, Marcela Fraiz e Maria Clara Avelino, ilustra o governo de JK que, eleito com o slogan “50 anos em 5”, construiu Brasília e diversas outras obras que elevaram a dívida externa do país e levaram à ampliação das desigualdades sociais.

 

Imagem 4

Esta charge, produzida por Arthur Carvalho, Guilherme Marine, Carlos Eduardo, Lucas Oliveira, Lucas Guedes, Caio Johny, Marcos Vinícios, Marcela Cunha e Gabriel Augusto, ilustra o governo de Jânio Quadros que, por meio do slogan “Varre, varre vassourinha”, propôs o combate à corrupção, mas fez apenas medidas moralizantes e impopulares, como a proibição da briga de galos e do uso de biquínis nas praias.

 

Imagem 5

Esta charge, produzida por João Victor Svizzero, Izabella Cordeiro, Lívia Alvarenga, Luiza Vieira e Marina Alves, ilustra o fim do governo de João Goulart. Por meio da articulação de setores conservadores e das Forças Armadas, com o apoio dos EUA, o governo de Jango foi encerrado por meio do Golpe militar de 1964. Dentre as medidas mais polêmicas de Jango, que assumiu a presidência após a renúncia de Jânio Quadros, estavam a reforma eleitoral e a reforma agrária.

 

Atenção! Todos os comentários serão previamente moderados pelo administrador antes de ser publicado oficialmente na página.

Mais em "Blog"

Medo, medinho ou MEDÃO

O medo é um vilão? Apesar de ser uma sensação ou uma experiência tensa e desagradável, a falta dele pode nos deixar em perigo, e

Leia Mais »